Introdução

Este documento tem por finalidade descrever procedimentos, documentos necessários e boas práticas a serem adotadas em um projeto de software para que o produto seja adotado como solução institucional.

É recomendável que a equipe engajada em desenvolver um software institucional envolva a DADT desde o começo do processo a fim de garantir conformidade às instruções normativas e, por conseguinte, facilitar a implantação sistemática da solução.

Análise e Projeto

Desenvolvimento

Define linguagens e tecnologias suportadas e seus respectivos guias de estilo a fim de garantir legibilidade e qualidade do código gerado. Além disso, também são apresentadas boas práticas para documentação do código com o objetivo de facilitar futuras manutenções. Por fim, é apresentada uma proposta de interface gráfica construção dos sistemas. Essa proposta deve ser ajustada em parceria com a ASCOM para cada sistema desenvolvido.

Testes

Para assegurar a qualidade do software, torna-se necessário envolver o processo de testes desde o começo do desenvolvimento em diversos níveis: desde testes unitários até testes de aceitação. Recomenda-se o uso de ferramentas de integração contínua a fim de descobrir problemas o mais cedo possível e facilitar a geração de relatórios.

Implantação